Prefeitura de Ipatinga e Polícia Civil fazem operação de combate ao tráfico e consumo de drogas na



A Prefeitura de Ipatinga, por meio da Secretaria de Segurança e Convivência Cidadã (Sescon), realizou na madrugada desta terça-feira (22) uma operação conjunta com a Polícia Civil, na avenida Maanaim e imediações, visando combater a presença ostensiva de dependentes químicos no local, com venda e consumo de substâncias ilícitas.


Trata-se da operação “Narco Brasil”, que tem a chancela do Governo Federal, via Ministério da Justiça e Segurança Pública e que engloba ainda a Polícia Federal (PF) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF), explicou a secretária adjunta da Sescon.


O local escolhido para as abordagens em Ipatinga é reconhecidamente uma área crítica, pois se trata de um reduto ininterrupto de uso e tráfico de drogas há vários anos.


Para que a ação ocorresse, a Prefeitura mobilizou uma força-tarefa com apoio dos agentes do Departamento de Trânsito (Detra), que foram responsáveis pelo fechamento das vias para que a operação pudesse transcorrer normalmente.


“Nessa intervenção participaram os nossos agentes do Departamento de Trânsito (Detra), com seus veículos e instrumental de trabalho, que foram fundamentais no processo. A ação marca o início da Semana de Combate às Drogas Lícitas e Ilícitas, que terá blitzen educativas sobre o assunto até o próximo sábado (26)”, destacou a secretária adjunta da Sescon, Maria Júlia Bomfim.


A situação da avenida Maanaim, agravada também pela ocupação de moradores em situação de rua com barracas improvisadas, requer atenção e sempre despertou descontentamento e preocupação de diversos setores da sociedade. Vários reclames por soluções foram encaminhados ao poder público. Assim a Prefeitura de Ipatinga realizará novas incursões com equipes de segurança e assistência social na área.


Apreensões

De acordo com balanço divulgado pela PC, durante a diligência foram apreendidas 209 barras de maconha, pesando aproximadamente 115 quilos, cigarros contrabandeados, simulador de arma de fogo, carregador de arma de fogo, celulares e, ainda, R$ 10 mil em dinheiro, dentre outros objetos.


#atvdopovo

#12anos

#aGenteSeEncontraAqui


fonte:secom/sescon/pmi

0 visualização0 comentário