Celso Portiolli é homenageado pelos seus 25 anos no SBT

Domingo Legal homenageia Celso Portiolli, que completa 25 anos no SBT.

foto: sbt/Domingo Legal

Neste domingo (13), o Domingo Legal homenageia Celso Portiolli pela sua trajetória de 25 anos como apresentador de programas do SBT. O famoso participa de uma brincadeira em que será, ao mesmo tempo, apresentador e participante de um Passa ou Repassa cujas perguntas dizem respeito à sua trajetória na TV.

Entre vídeos e histórias, o telespectador vai conferir imagens de Celso em programas como Tempo de Alegria, Xaveco, Fantasia, Curtindo uma Viagem, Sessão Premiada e muitos outros programas que marcaram época no canal paulista.


Ainda no domingo, o programa entra no clima da Copa América para a estreia da Seleção Brasileira no jogo entre Brasil e Venezuela com links diretamente da porta do hotel em que os jogadores da seleção estão hospedados, mostrando todos os preparativos para a partida que acontecerá logo após o Programa Eliana, a partir das 18h.

Seguindo o clima do esporte, o Passa ou Repassa recebe, ao vivo, os ex-jogadores Marcelinho Carioca e Amaral, além do apresentador Benjamin Back. O time azul irá competir com o cantor Zeeba, o ex-BBB Nego Di e a modelo Victória Villarim vestindo a camisa da equipe amarela.

Celso Portiolli estreou como apresentador do SBT em 1996 no Passa ou Repassa. Em 1997, ganhou a sua primeira missão aos domingos com Tempo de Alegria. No ano seguinte, esteve à frente do Xaveco. Em 2000, Silvio Santos deu a ele o comando do Fantasia. Em 2001, Curtindo Uma Viagem.

Em 2002, o SBT anunciou Portiolli na apresentação do O Conquistador do Fim do Mundo. Em 2004, o famoso comandou a Sessão Premiado e o Código Fama. Em 2006, o canal paulista colocou em suas mãos o Ver Para Crer.



Em 2007, Celso Portiolli foi o apresentador do Namoro na TV, Curtindo com Reais e Curtindo com Crianças. Em 2009, com a saída de Gugu Liberato (in memorian 1959-2019), ele assumiu o Domingo Legal. Em 2016, Silvio aprovou a volta do Sabadão sob o comando de Portiolli. O Programa não teve a mesma audiência dos dias de glória do "Viva a Noite" apresentado pelo Gugu Liberato (in memorian), que foi tirado do ar pouco tempo depois.


Celso, quase saiu do SBT, mas, ainda permanece por lá, e foi homenageado pela equipe do programa, que ao final no último minuto - antes de passar a bola para a Eliana, disse "se não fosse os telespectadores ele não teria chegado até".


Celso, foi político, locutor de rádio em Minas Gerais, passou muita dificuldade, mas, chegou ao seu auge, se tornando apresentador de uma das maiores emissoras abertas do país.


Parabéns Portiolli, que fique por pelo mais mais 25 anos na frente das telinhas.


#atvdopovo

#12anos

#aGenteSeEncontraAqui

25 visualizações0 comentário